Cerca de 40 pacientes passaram pela triagem e foram encaminhados aos hospitais das Clínicas, IMIP e Agamenon Magalhães onde serão realizadas as cirurgias

Mais uma grande parceria da Prefeitura de Gravatá, por meio da Secretaria de Saúde, que beneficia cerca de 40 moradores de toda a cidade. A iniciativa, realizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Regional Pernambuco, oferece aos gravataenses a oportunidade de realizar a cirurgia plástica reparadora.

Durante a IX Jornada Pernambucana de Cirurgia Plástica, realizada no Hotel Portal de Gravatá, os pacientes foram recebidos pelas equipes médicas dos hospitais Agamenon Magalhães (HAM), Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (HC/UFPE) e Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP), que irão ofertar as cirurgias.

Na ocasião, o gestor de Gravatá, Mario Cavalcanti, esteve no Hotel Portal de Gravatá para recepcionar, junto com a secretária de Saúde, Adelaide Caldas, os pacientes identificados nas Unidades de Saúde da Família para a triagem. “Nós estamos muito felizes em poder oferecer esse serviço para vocês. Somos muito gratos por essa parceria com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Regional Pernambuco que, em futuro muito próximo, atenderá a nossa população sem nenhum custo”, enfatizou.

A secretária municipal de Saúde, Adelaide Caldas, falou sobre a ação e o processo para identificação dos pacientes para as cirurgias. “Esta é uma iniciativa muito importante para a nossa população. A ação irá mudar completamente a vida dessas pessoas. O nosso trabalho iniciou por meio da participação direta do Dr. Jairo Zacchê, que participou de uma reunião com as equipes das Unidades de Saúde da Família para orientação do perfil dos pacientes que seriam contemplados nesta ação. Em seguida, os Agentes Comunitários de Saúde fizeram a captação dos usuários para que, hoje, pudessem participar da triagem com os médicos especialistas”, explicou.

O presidente regional da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Regional Pernambuco, Dr. Jairo Zacchê de Sá, falou sobre a ação que será realizada pelos hospitais do Recife. “O nosso objetivo é atender os pacientes de onde fizermos a jornada de cirurgias plásticas. Aqui em Gravatá, pessoas que tiveram câncer de pele, seqüela de trauma de acidentes, de queimaduras, pacientes que retiraram tumores e ficaram com alguma seqüela e pessoas com fissuras labiopalatinas também são público-alvo dessa jornada”, disse.

Para a dona de casa, Gilvanise Maria de Souza, de 50 anos, essa ação é motivo de grande alegria. É que as filhas, Talita Sousa Silva, de 19 anos, e Tayná Souza Silva, de 18, irão passar pelo procedimento de cirurgia plástica reparadora. “Eu fico muito feliz por saber que elas serão beneficiadas. Há 15 anos eu tentei realizar a cirurgia delas no IMIP, mas houve uma complicação com uma de minhas filhas e a cirurgia foi cancelada. Agora, elas poderão passar pela cirurgia e melhorar ainda mais qualidade de vida delas”, disse emocionada.

Fotos: Ednaldo Lourenço / Divulgação

Comentários no Facebook