Rumores circulam em Gravatá sobre a situação de João Paulo com relação ao PSB, por causa da aliança feita entre Waldemar Borges e Júnior Darita, que não fica apenas para 2018, mas se estende para 2020.

Os comentários afirmam que João Paulo ainda sonha em ser prefeito e Gravatá, mas existe um acordo que sustenta a aliança de Darita com Waldemar, o de que havendo um bom resultado da campanha de 2018, Darita será o candidato apoiado por Waldemar e o PSB, escanteando João Paulo em 2020.

João Paulo que seria o candidato natural do PSB em Gravatá, torna-se dispensável para o partido, de acordo com esses comentários no meio político gravataense, bastando apenas que Darita levante uma boa quantidade de votos em Gravatá para seu deputado.

É dessa forma que a política está se construindo nesse partido, e os rumores nos bastidores políticos indicam que Darita está lutando para tirar de vez, João paulo de seu caminho para um apoio maior em sua campanha futura, na tentativa geralmente frustrada de ser eleito para o executivo municipal.

Comentários no Facebook