Ainda é outubro, mas os preparativos para o Natal já começaram em Gravatá. Foi realizada nessa terça-feira (23) uma reunião de planejamento das atividades natalinas do município. A iniciativa reúne, além da Prefeitura, os comerciantes, lojistas, artesãos e empresários da cidade.
A grande novidade é a participação efetiva das empresas privadas nas decorações dos espaços públicos e privados, oferecendo ambientes mais enfeitados, proporcionando o clima natalino e atraindo mais turistas aos estabelecimentos comerciais.
A reunião, presidida pelo Prefeito Joaquim Neto, debateu os benefícios da parceria entre o público e privado e organizou os empresários em grupos para elaborar os projetos de decoração.

“Nós trabalhamos a importância do comércio local aderir a projetos voltados ao fortalecimento financeiro da cidade. A atitude do empresariado precisa mudar e, com essa união, todos serão beneficiados. A comunidade ganha, o turista ganha, o empresário ganha, a Prefeitura ganha. Todos saem ganhando com isso” explicou Joaquim.
Um passo à frente, os empresários com estabelecimentos no entorno da Praça 10, se uniram e já apresentaram projeto para a decoração da área. Papai Noel, trenó, renas, arcos iluminados e enfeites nas árvores da Praça são alguns dos elementos que a população poderá desfrutar durante o mês de dezembro.

“A participação de todos é fundamental. O final do ano é a melhor época para vendas e quanto mais planejamento, melhor. Os comerciantes já estão fazendo as compras para o período festivo, criando promoções, escolhendo decorações, planejando vitrines, então quanto mais houver atrativos, mais renda vai gerar e consequentemente mais empregos em nossa cidade” enfatizou Valéria Silva, presidente do Centro de Dirigentes dos Lojistas de Gravatá.

A gerente de marketing da Veneza Construções, Silvana Correia participou da reunião e aprovou a iniciativa.

“É importantíssimo que o comércio local tenha esse envolvimento e cumpra com sua parcela para apoiar a Prefeitura. A preocupação é de realmente resgarat o espírito natalino e melhorar o movimento nesta época do ano. As pessoas se preocupam em saber ‘que natal eu vou viver?’ ‘qual local vai me permitir uma boa experiência em família?’ e nós, comerciantes, precisamos proporcionar isto” relatou.
A proposta para 2018 é realizar um Natal com maior proporção e estrutura que em 2017, ano em que o município voltou a comemorar a festa e se restabeleceu como um dos destinos mais procurados por turistas no Estado de Pernambuco.

“A realização da decoração antecipada tem o intuito de aquecer o comércio e gerar mais emprego e renda. A população que vai ao centro se sente atraída pelo clima natalino e acabam entrando nos estabelecimentos e enfeitando suas casas também. Queremos que Gravatá seja a cidade do Natal e faremos tudo o que estiver ao nosso alcance para oferecer uma boa programação e conseguir o apoio de todos para realizarmos uma grande festa” disse o Secretário Interino de Turismo, Darlan Raphael.

Gravatá Hoje

Comentários no Facebook