A 35ª edição do teatro da Paixão de Cristo de Gravatá contou com mais uma noite de sucesso de público nesta sexta-feira (19). O evento, que teve início as 20h45 no Pátio de Eventos Chucre Mussa Zarzar, contempla vida, morte e ressurreição de Cristo através de direção e atuação de artistas gravatenses.
Sendo considerado um dos melhores teatros da Paixão de Cristo da região, a encenação encanta e atrai turistas e munícipes. Com efeitos especiais e cenários que se aperfeiçoam mais a cada ano, o teatro conta com a participação de cerca de 70 pessoas, dentre eles participantes do ICETAG, Movimento de Dança Wanderson José, Movimento de Dança Reverso e da Escola de Dança Fyamma Gabriella.
“Eu já assisti o espetáculo da Paixão de Cristo em anos anteriores e vim novamente em 2019 porque gosto muito do trabalho que é feito. Este ano foi ainda melhor com a inclusão de libras durante a encenação, porque assim mais pessoas podem aproveitar deste entretenimento durante a Semana Santa”, relata Aline de Lima, gravataense que sempre é espectadora da Paixão de Cristo em Gravatá.
“Esta é a primeira vez que interpreto Jesus Cristo e confesso que fiquei muito ansioso, mas a boa recepção do público me deixou muito satisfeito e tranquilo. Todo papel é um desafio, mas interpretar Jesus durante a Semana Santa com certeza é especial”, explica Osmar Jorge, ator que interpreta Jesus Cristo no espetáculo deste ano. Osmar é ator há 3 anos e iniciou sua carreira através do ICETAG.
Ao lado de secretários municipais, o Prefeito Joaquim Neto acompanhou mais um noite do espetáculo e destacou a grandiosidade da encenação.
“Não tem como não se emocionar, o espetáculo cada ano fica ainda melhor. É gratificante ver um grande público prestigiando a peça contada pelos nossos artistas. A cidade está lotada e estamos felizes em ver que todos estão desfrutando do melhor que Gravatá tem a oferecer”, disse Joaquim.

Gravatá Hoje

Comentários no Facebook